Publicado em: 10/05/2011

Frango com salada não é sempre a opção mais saudável do cardápio

G1 / Bem Estar

 

Não existe um alimento que seja mais saudável que o outro, é tudo uma questão de equilíbrio. O filé de frango tem menos calorias que o bovino – 150 contra 269 para os mesmos 100 gramas –, mas é pobre em ferro. O Bem Estar, exibido na quinta-feira (5) na Rede Globo, trouxe o nutrólogo Eric Slywitch e a pediatra Ana Escobar, consultora do programa, para discutir o assunto.

 

Eles apresentaram quatro refeições bem nutritivas, que englobam os principais grupos de alimentos: frango com polenta, macarrão à bolonhesa, arroz com peixe (veja a receita da sardinha escabeche no fim do texto) e sanduíche de ovo. Além desses pratos, você confere o de milho com lentilha.

Arte Bem Estar receitas saudáveis (Foto: Arte / G1)

Um levantamento do Ministério da Saúde mostra que a participação das carnes na alimentação dos brasileiros cresceu 50%. Somente os embutidos, como a salsicha, tiveram um aumento de 300% no consumo.

 

O Bem Estar foi às ruas e viu na prática como as pessoas gostam de carne. O repórter Renato Biazzi visitou uma churrascaria de São Paulo e propôs que os clientes trocassem algumas das carnes por lentilha ou feijão. Mas ninguém resistiu à tentação do churrasco.

 

Esse crescimento da demanda requer atenção. O ideal é limpar bem as carnes antes do preparo e optar pelas menos gordurosas. É na gordura que mora o grande perigo, pois ela eleva o risco cardíaco e a obesidade. Por isso, o governo recomenda um consumo diário moderado: um bife bovino ou outra proteína grelhada com 64 gramas, ou o tamanho da palma da mão.

 

Eric Slywitch ressaltou que é um engano pensar que carne não engorda porque se trata de proteína. O indivíduo pode ganhar peso, sim, e desenvolver problemas graves de saúde se abusar. Pelo acúmulo de gordura, podem aumentar as chances de doenças no fígado, câncer de cólon e reto.

 

Isso só ocorre, porém, se o consumo for exagerado. Na medida certa, a carne é uma boa fonte de nutrientes. Além de rica em ferro, é a principal origem de vitamina B12, presente ainda em leite e ovos. Essas duas substâncias são importantes para a produção de hemácias, células que transportam oxigênio e compostos pelo sangue. A deficiência delas, portanto, pode levar à anemia.

 

No caso dos vegetarianos, é importante consultar um médico ou nutricionista para garantir a substituição adequada dos alimentos e não ter riscos à saúde. Quanto mais restrita for a alimentação, isto é, se exclui carnes, leite e derivados e/ou ovos, mais importante é essa orientação.

 

Banana
O Bem Estar (exibido na última quinta) também falou sobre a banana. A fruta é rica em energia e ajuda no controle de funções importantes do corpo, como pressão arterial e intestino. Além disso, é rica em potássio, nutriente importante para os músculos e batimentos cardíacos. Outra vantagem da fruta é a presença da vitamina B6, essencial à produção de serotonina, substância que contribui para que o cérebro relaxe.

 

Receita da sardinha escabeche
Ingredientes:
- 25 g de filé de sardinha
- 1/4 de cebola
- 4 fatias de tomate
- 1 colher de sopa de pimentão verde
- 1 colher de sopa de pimentão vermelho
- 1/2 colher de sopa de azeite de oliva
- 1 colher de sopa de vinagre
- 1/2 dente de alho
- Ramos de salsinha
- Sal e pimenta a gosto

 

Modo de preparo:
Fazer uma "cama" em uma travessa com a cebola cortada em rodelas. Colocar as sardinhas e cobri-las com os demais ingredientes, finalizando com o óleo e o vinagre. Levar ao forno (coberto com papel alumínio) e deixar por 20 a 30 minutos.

Publicado em: 03/05/2011

Chocolate não causa espinhas, mas pode dar dor de cabeça, diz médico

G1/Bem Estar

 

Segundo o o endocrinologista Alfredo Halpern, estudos mostram que a gordura animal é a pior delas, atrás apenas da trans. Pessoas que comem muita carne gordurosa tem mais chances de doenças cardiovasculares, mas, por outro lado, a gordura dá energia e a carne é uma ótima fonte de ferro. Ou seja, o segredo está no equilíbrio.

 

Halpern explicou que a gordura trans é artificial, porque praticamente não existe na natureza. É resultado de um processo químico e barato, que hidrogena as gorduras insaturadas e serve para dar uma consistência gostosa a doces, biscoitos, sorvetes, bolos e outros alimentos industrializados. Atualmente, já se sabe que o corpo humano absorve mal a gordura trans e pode ter mais riscos de doenças cardiovasculares, colesterol alto e gordura abdominal por conta desse excesso.

 

Uma pessoa que quer emagrecer ou não engordar deve optar pelo leite desnatado. O integral, porém, é mais completo nutricionalmente. A opção deve depender do peso do indivíduo e se ele tem doenças associadas, o que também vale para o chocolate.

 

De acordo com Halpern, chocolate não provoca espinhas, mas pode dar dor de cabeça e enxaqueca em alguns. Para quem não tem contraindicação, essa é uma opção de energia, proteína e gordura saturada boa, como a do azeite.

 

Alguém com o peso e os níveis de colesterol, glicose e diabetes controlados pode ingerir uma barrinha de 50 gramas por dia normalmente, desde que controle o restante das calorias.

 

Chocolate light também tem calorias, destacou o especialista. E o achocolatado em pó é rico em energia, vitaminas e minerais, motivo pelo qual pode ser consumido diariamente por quem não apresenta os problemas citados acima.

 

Halpern afirmou que uma colher de sopa de maionese industrializada do tipo normal contém mais ou menos a mesma quantidade de calorias do requeijão light e menos que o integral. Também é rica em gordura poliinsaturada, que pode prevenir doenças cardiovasculares, segundo estudos.

 

O endocrinologista explicou, ainda, que quem tem o metabolismo mais acelerado pode consumir mais calorias e gorduras, desde que mantenha o peso e as taxas de pressão e exames de sangue ideais.

 

Além disso, Halpern disse que o ovo é um alimento quase completo: concentra proteínas, gorduras boas (monoinsaturadas), ferro e vitaminas A, B, D, E e K. Já pessoas com intolerância à lactose, que causa distúrbios gastrointestinais, devem tomar leite de soja ou substâncias que diminuam esse problema.

 

Por fim, o médico esclareceu que castanhas contêm óleo que fazem bem à saúde. Pesquisas citadas por ele apontam que o consumo pode prolongar a vida e diminuir o risco de doenças cardiovasculares. De duas a três castanhas do Pará por dia são o ideal. Já a uva passa é um alimento energético e gostoso, que pode ser ingerido de vez em quando, mas não tem os mesmos benefícios das castanhas.

Publicado em: 20/04/2011

Especialistas revelam o que é mito e o que é verdade sobre alimentos

G1

 

Nem tudo o que é gostoso engorda, se consumido com moderação. Alguns alimentos considerados proibidos até podem fazer bem. Chocolate, maionese, leite, ovo, café, castanhas e azeite de oliva foram alguns dos alimentos centrais do Bem Estar desta quarta-feira (20).

 

Para falar sobre o assunto e explicar o que é mito e o que é verdade, estiveram no estúdio o endocrinologista Alfredo Halpern, que também é consultor do programa, e o nutrólogo Dan Waitzberg. O mais importante, segundo ele, é saber quando e, principalmente, quanto comer.

 

A repórter Marina Araújo foi às ruas de São Paulo para ver quais alimentos as pessoas comprariam ou deixariam de lado em um supermercado.

 

Com a Páscoa chegando, é bom ficar atento ao que informa o rótulo dos três tipos de chocolate mais comuns: ao leite, branco e amargo. Quantidade de açúcar, gorduras totais e saturadas deve ser levada em conta.

 

Quanto ao leite, segundo uma pesquisa do Ministério da Saúde, 56,4% dos brasileiros consomem o tipo integral, apesar de o desnatado ser mais saudável. Três porções por dia (um copo é uma porção) de leite e derivados são o suficiente para a quantidade de cálcio necessária ao organismo.

 

Nos últimos anos, a venda de ovos no país teve uma queda de 84%. Metade da gordura presente nesse alimento é insaturada. A orientação do ministério é de que ele seja consumido cozido, preferencialmente sem óleo. Gema mole pode trazer risco de infecções.

 

Sementes (de girassol, gergelim e abóbora) e castanhas (de caju, do Pará, nozes e amêndoas) também são boas fontes de proteína e gordura - na maior parte insaturada -, vitaminas (ácido fólico e niacina) e minerais (zinco, selênio, magnésio e potássio), segundo o ministério.

 

É recomendável que o consumo seja na forma assada e sem sal. São ricas em ácidos graxos poli e monoinsaturados, e conferem proteção contra infartos e derrames em indivíduos de alto risco. Mas não há uma recomendação específica sobre quantidades.

 

Uva passa e frutas secas são ideais para o lanche das crianças, nas viagens ou se sentir fome entre as refeições. Uma boa alternativa é comer um pouco de frutas secas sem açúcar adicionado. Mas também não há uma recomendação específica sobre quantidades diárias.

 

Publicado em: 30/03/2011

Dicas para prevenir a obesidade infantil

Publicado em: 24/03/2011

Obesos devem ter controle alimentar e de peso por toda a vida, diz médico

O endocrinologista e consultor Alfredo Halpern foi o convidado do programa Bem Estar desta quarta-feira. Achei muito interessante o que ele disse sobre obesidade. Vi a matéria do G1 e resolvi compartilhar uns trechos.

Ele disse que uma pessoa obesa deve fazer controle alimentar e de peso por toda a vida. O ideal, segundo ele, é subir na balança uma vez por semana para monitoramento.

Quem faz dieta, exercício e ainda assim não consegue emagrecer – porque o organismo se recusa, ou seja, há um problema metabólico – deve procurar um especialista, que pode recomendar o uso de algum medicamento.

A partir dos 30 anos, de acordo com Halpern, o metabolismo sofre uma desaceleração, por causa da diminuição de hormônios (do crescimento, testosterona e estrogênio) e da composição corporal. Com atividade física, os músculos são conservados, a gordura é eliminada e o metabolismo pode se manter.

Os remédios para emagrecer aceleram um pouco o metabolismo, disse o endocrinologista, mas com o envelhecimento é importante praticar atividade física e descobrir se não há nenhuma alteração hormonal no organismo.

Halpern também explicou que fazer uma reeducação alimentar na infância pode evitar a obesidade na vida adulta, o que pode trazer doenças e até mortes precoces. Segundo o médico, alimentos menos saudáveis podem ser liberados de vez em quando, mas não devem virar rotina. Além disso, as crianças precisam ser incentivadas a praticar exercícios.

Comer fora do horário não causa predisposição à obesidade se não houver exageros, afirmou Halpern. Não há evidências, de acordo com ele, de que a hora das refeições influencie no peso, e sim a quantidade de calorias ingerida durante o dia.

 

Publicado em: 22/03/2011

Cranberry é aliada no tratamento de problemas urinários

 

Oi gente! Hoje a dica é para quem se liga em saúde. O Mundo Verde de Rio Preto está vendendo suco de Cranberry. Fruta típica dos Estados Unidos e do Canadá, ela é rica em antioxidantes proantocianidinas e antocianinas e previne para infecções urinárias. Além do suco em embalagens de 1 litro, a Mundo Verde da cidade também oferece gel a base de cranberry desidratado, que pode ser consumido puro ou usado como geléia em pães, bolachas torradas.

Estudo divulgado pela Universidade Harvard, nos EUA, mostrou que o consumo diário de produtos à base de cranberry, ao longo de um ano, reduz em 35% os casos de infecções urinárias, como a cistite causada por germes oriundos do nosso trato intestinal, que acomete principalmente as mulheres. Estudos relacionam ainda a ação benéfica das antocianinas do cranberry no controle das taxas de colesterol e na prevenção de doenças cardíacas. Dados da Sociedade Brasileira de Urologia mostram que uma em cada quatro mulheres do país tem infecção urinária, sendo que muitas chegam a ter o problema três vezes por ano. Para casos reincidentes, o suco ou gel de cranberry desponta-se como uma auxiliar natural ao tratamento.


 

Coquetel de cranberry com raspas de limão siciliano
Ingredientes:
250 ml de suco de cranberry
50 ml de água com gás
Raspas de casca (zests) de limão siciliano
Gelo

Modo de preparo: Misture o suco de cranberry com a água com gás. Junte as raspas de limão e sirva em copo com bastante gelo.
Fonte: Flávia Morais, nutricionista Mundo Verde.

Publicado em: 17/03/2011

Taça de banana e caramelo

A dica da Cozinha Doce Menor de hoje é TAÇA DE BANANA E CARAMELO... Uma receitinha saborosa, rápida e prática. Experimente!!!

 

Ingredientes:
- 3 bananas cortadas em rodelas (240 g)
- 1 colher (chá) de canela em pó
- 1 embalagem de Pudim Doce Menor Sabor Caramelo (25 g)
- 2 xícaras (chá) de leite desnatado (400 ml)
- ½ xícara (chá) de creme de leite light (100 ml)

Preparo:
Cozinhe as bananas junto com ½ xícara (chá) de água (100 ml) e a canela em fogo baixo por cerca de 5 minutos, até ficarem macias.
Em outra panela, misture o conteúdo do pudim com o leite, o creme de leite e cozinhe em fogo baixo mexendo sempre por cerca de 5 minutos ou até engrossar.
Monte as taças intercalando camadas de bananas cozidas com o pudim. Decore as taças com as bananas restantes. Leve à geladeira para firmar e sirva frio.

Rendimento: 4 porções
Tempo de preparo: 15 minutos

Dica: você também pode fazer a decoração das taças cozinhando em fogo baixo uma banana cortada em rodelas com 2 colheres (sopa) de geléia diet de damasco por 3 minutos.

Publicado em: 10/03/2011

Pós-Carnaval: desintoxique seu organismo!

Se você não aproveitou o Carnaval para pular e dançar muito e, ao invés disso, caiu de boca em guloseimas e não dispensou a cervejinha, ACALME-SE. Corra atrás do prejuízo desintoxicando o organinismo com uma dieta DETOX. As dicas são da nutricionista Flávia Pinto Cesar, da revista BOA FORMA.

 

 

 

- Para começar bem o dia, assim que acordar, prepare um suco com abacaxi, maçã e salsão batido com uma colher de gelatina em pó sem sabor ou colágeno em pó. Essa mistura é desintoxicante. Consuma também uma fatia de pão integral com ricota e mel.

- No meio da manhã, inclua mais um suquinho no cardápio: um copo refrescante de abacaxi com hortelã. Essa fruta é magrinha (100g têm somente 49 calorias). Além disso, também contém vitamina C, que estimula a produção de anticorpos, protegendo o organismo contra infecções.

- No almoço, a melhor opção é fazer uma refeição balanceada: uma saladinha colorida com folhas verdes e legumes variados, arroz integral e uma proteína animal grelhada: filé de frango ou de peixe. Uma posta média de salmão, por exemplo, tem 165 calorias. Para sobremesa, escolha uma fruta de sua preferência.

- Na hora do lanchinho da tarde, consuma 1 pote de iogurte desnatado com 1 colher de granola e 2 damascos secos. Essa mistura tem cerca de 225 calorias e ajuda no funcionamento do intestino.

- No jantar, você pode fazer um sanduíche levinho com pão integral, atum e 2 colheres de maionese light. No total são 288 calorias. Para acompanhar, vai bem uma saladinha de folhas verdes e cenoura crua. Esse legume, além de estimular as defesas do organismo, também combate as placas de gordura nas artérias.

Publicado em: 07/03/2011

Pais devem atentar para o consumo de salgadinhos

Publicado em: 03/03/2011

Nuvem de Limão

Recebi por e-mail uma receitinha fácil e deliciosa. Pensei e compartilhei. Espero que gostem!!!!

 

Ingredientes:
- 1 embalagem de Gelatina Doce Menor Sabor Limão
- 3 claras
- ½ xícara (chá) de creme de leite light
- 1 colher (sopa) de suco de limão
- raspas de limão para decorar
Preparo: Acrescente aos poucos a gelatina em 4 colheres de sopa de água (60 ml), misture bem e deixe hidratar por 1 minuto. Leve ao micro-ondas em potência média (50%) por 20 segundos até derreter. Bata as claras em neve e adicione a elas o creme de leite delicadamente. Misture a gelatina derretida e o suco de limão. Coloque o creme em potinhos e leve à geladeira por pelo menos 3 horas para firmar.  Decore com as raspas de limão.

Rendimento: 4 unidades. Tempo de preparo: 15 minutos
Variação: experimente substituir a gelatina de limão por outros sabores, como framboesa e morango.

Informação nutricional – 1 unidade
Valor calórico: 58,3 kcal
Carboidratos: 0,7 g
Proteínas: 4,6 g
Lipídeos: 3,5 g
Fibras: 0 g

O Blog da Dieta. Todos os direitos reservados.2017