Região:

min

max

Anuncie aqui

Boletim Econômico: 20 de maio de 2022

Confira o resumo do mercado financeiro

Por Reinaldo Cafeo
(Atualizado em 25/05/2022 - 11h40)
Compartilhar

Dados de fechamento em 19/05/2022 (quinta-feira)

 

Ibovespa: alta de 0,71% aos 107.005 pontos.

Dólar Comercial de Venda: queda de 1,32% a R$ 4,916.

 

Mercado Cambial:

Abaixo a cotação de fechamento diário do Dólar comercial de venda:
• Segunda-feira (16): -0,12% a R$ 5,051
• Terça-feira (17): -2,15% a R$ 4,9429
• Quarta-feira (18): +0,80% a R$ 4,982
• Quinta-feira (19): -1,32% a R$ 4,916
• Semana: -2,79%

 

Segue a cotação diária do Euro (comercial de venda) no fechamento:
• Segunda-feira (16): +0,15% a R$ 5,27
• Terça-feira (17): -1,10% a R$ 5,21
• Quarta-feira (18): +0,06% a R$ 5,215
• Quinta-feira (19): -0,15% a R$ 5,207
• Semana: -1,04

Mercado Acionário:

Confira a evolução do Ibovespa na semana, em cada fechamento de sessão:
• Segunda-feira (16): +1,22% (108.232 pontos)
• Terça-feira (17): +0,51% (108.789 pontos)
• Quarta-feira (18): -2,34% (106.247 pontos)
• Quinta-feira (19): +0,71% (107.005 pontos)
• Semana: -0,41%
• 2022: +3,99%

 

Cenário

O Ibovespa fechou a sessão desta quinta-feira (19) em alta de 0,71%, aos 107.005 pontos. Contribuiu para o bom desempenho do índice os ganhos expressivos da CSN Mineração e CSN Siderurgia. A movimentação financeira para o Ibovespa foi de R$ 24,69 bilhões.
O Ministério da Economia revisou a projeção da inflação oficial, medida por meio do IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), para 7,9% em 2022. A última projeção, que foi feita em março, era de 6,55%. Os dados foram divulgados durante o Boletim Macroeconômico organizado pela Secretaria de Política Econômica.
Divulgada também a segunda prévia de maio do IGP-M, inflação do aluguel, pela FGV, que desacelerou, de 1,85% da mesma leitura do mês de abril, para 0,39%.
O TCU aprovou o processo de privatização da empresa. Esta é a primeira grande estatal a ser negociada durante o governo Bolsonaro, que tinha como objetivo fazer a oferta de ações até o dia 13. Os planos foram adiados, mas estima-se que o processo aconteça entre os meses de junho e agosto. Os investidores poderão utilizar até 50% do saldo do FGTS para adquirir ações da empresa, via fundos mútuos de privatização, dispositivo criado em 2000 e usado nas privatizações de Petrobras e Vale.
Também repercute a fala de Bruno Serra, do BC, afirmando que acredita que o cenário de combate à inflação no Brasil deve ficar mais positivo nos próximos meses, mas que ainda é cedo para reverter o atual ciclo contracionista de alta da Selic, a taxa básica de juros. A Selic foi elevada para 12,75% ao ano no começo de maio e deve subir mais meio ponto, para 13,25%, na próxima decisão do Copom, em 15 de junho.
No campo político, a escolhida da terceira via para concorrer à presidência deverá ser Simone Tebet.
Os mercados acionários americanos operaram em queda dando sequência à aversão ao risco observada na quarta, quando o Dow Jones sofreu sua maior queda em um dia desde 2020, fechando com recuo de 3,57%. S&P e Nasdaq também caíram mais de 4%. As perdas foram impulsionadas por resultados ruins na temporada de balanços do primeiro trimestre, de grandes varejistas como Target e Walmart, mas também pelo receio global com a inflação e uma possível recessão mais à frente.
Vale lembrar que, em seu último discurso, Jerome Powell, presidente do BC americano, afirmou que uma alta de 0,5 p.p. nos juros já está na mesa para junho. E que será preciso fazer de tudo para conter a inflação, o que acende o alerta de altas mais significativas depois disso.
No Reino Unido, a inflação chegou a uma alta de 9% em abril, a maior em 40 anos.
Os Estados Unidos registraram 218 mil pedido iniciais por seguro-desemprego na segunda semana de maio, segundo os dados publicados pelo Departamento do Trabalho americano. Este resultado está acima da projeção dos especialistas (200 mil).
A cidade chinesa de Tianjino, vizinha de Pequim, e onde está localizado um dos maiores portos do país, vive um novo lockdown.

 

Principais eventos e indicadores (semana de 09/05 a 13/05):

– Sexta-feira (20): Receita Tributária Federal (BRA).

 

 

Fontes: infomoney, queroinvestir, investing, start.