Região:

min

max

Anuncie aqui

Boletim Econômico: 5 de setembro de 2022

Por Reinaldo Cafeo
(Atualizado em 05/09/2022 - 11h07)
Compartilhar

Mercado Cambial:

Abaixo a cotação de fechamento diário do Dólar comercial de venda:

  • Segunda-feira (29): -0,88%, a R$ 5,0334
  • Terça-feira (30): +1,58%, a R$ 5,1130
  • Quarta-feira (31): +1,73%, a R$ 5,2015
  • Quinta-feira (1): +0,71%, a R$ 5,2383
  • Sexta-feira (2): -1,02%, a R$ 5,1848
  • Semana: +2,12%

Mercado Acionário:

Confira a evolução do Ibovespa na semana, em cada fechamento de sessão:

  • Segunda-feira (29): +0,02%, aos 112.323 pontos
  • Terça-feira (30): -1,68%, aos 110.430 pontos
  • Quarta-feira (01): -0,82%, aos 109.522 pontos
  • Quinta-feira (02): +0,81%, aos 110.405 pontos
  • Sexta-feira (03): +0,42%, aos 110.864 pontos
  • Semana: -1,28%

dólar na sexta-feira (03) fechou em baixa de 1,02%, a R$ 5,1848. Ao longo do dia a moeda norte-americana variou entre R$ 5,1585 e R$ 5,2351. Na semana, a divisa encerra com alta acumulada de 2,12%.

Ibovespa fechou com alta de 0,42%, em 110.864 pontos. Durante o dia, o índice registrou máxima de 112.264 pontos e mínima de 110.408 pontos. O volume financeiro do dia foi de R$ 37,6 bilhões. No acumulado da semana, a bolsa cai 1,28%.

Destacamos os principais eventos da semana passada:

PIB do Brasil cresce acima do esperado

O Produto Interno Bruto (PIB) do segundo trimestre teve alta de 1,2% na comparação trimestral, ante expectativa de 1%.  É o quarto resultado positivo consecutivo do PIB, após recuo de 0,3% no segundo trimestre do ano passado. O PIB, que é a soma dos bens e serviços finais produzidos no Brasil, chegou a R$ 2,404 trilhões em valores correntes. O setor de serviços, que responde por 70% da economia, avançou 1,3% no período. A indústria, 2,2%. E a agropecuária, 0,5%. Com isso, a atividade econômica está 3% acima do patamar pré-pandemia, registrado no quarto trimestre de 2019, e atinge o segundo patamar mais alto da série, atrás apenas do alcançado no primeiro trimestre de 2014.

Desemprego no Brasil recua

A Pnad Contínua, do IBGE, apontou que a taxa de desocupação do trimestre de maio a julho de 2022 recuou de 9,3% para 9,1%, na comparação com o trimestre finalizado em junho.

Brasil cria 218.902 vagas com carteira assinada

O Caged apontou a criação de 218.902 vagas de emprego com carteira assinada em julho, com saldo líquido no ano positivo em 1.560.896 vagas.

Inflação do aluguel recua

O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M), da FGV, caiu 0,70% em agosto, após alta de 0,21% no mês anterior. Com este resultado o índice acumula alta de 7,63% no ano e de 8,59% em 12 meses. Em agosto de 2021, o índice havia subido 0,66% e acumulava alta de 31,12% em 12 meses.

Produção industrial do Brasil cresce 0,6% em julho

A Produção Industrial do Brasil, medida pelo IBGE, teve alta de 0,6% na passagem de junho para julho e voltou a crescer após queda de 0,3% no mês anterior.

Payroll: EUA criam 315 mil postos de trabalho em agosto

A sexta-feira (2) foi dia do indicador mais aguardado da semana, o payroll. A folha de pagamentos oficial não-agrícola dos EUA apontou a criação de 315 mil postos de trabalho em agosto, ante expectativa de 300 mil. O mercado de trabalho forte tende a pressionar ainda mais a inflação e, por consequência, exigir um Federal Reserve (Fed) ainda mais agressivo na escalada de juros para controlar os preços. Ainda sobre o mercado de trabalho americano, na quinta (1) foram divulgados os novos pedidos de auxílio-desemprego, que vieram em 232 mil, ante projeção de 245 mil.

Na quarta (31), a pesquisa ADP, considerada prévia do payroll (mas que, ao contrário deste, só contabiliza cargos da iniciativa privada), ficou em 132 mil empregos em agosto, abaixo do consenso, de 310 mil. Após esses dados, o mercado segue firme na expectativa de alta de 0,75 ponto porcentual de juros na próxima reunião do comitê de política monetária, que acontece dia 21 de setembro.

Inflação recorde na zona do euro

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC ou CPI na sigla em inglês) da zona do euro atingiu novo recorde em agosto, chegando a 9,1% na base anual. O resultado veio acima da projeção de estabilidade em 8,9% e coloca mais pressão sobre o Banco Central Europeu (BCE) quanto ao aumento dos juros. O mercado aumenta as apostas em 0,75 ponto porcentual de alta de juros na próxima decisão de política monetária, em setembro.

Boletim Focus

O Boletim Focus desta semana, divulgado pelo Banco Central brasileiro, refletindo a mediana de 200 players que operam no mercado, aponta as seguintes projeções: Em 2022 – IPCA 6,61%, previsão revista para baixo, pois na semana passada o mercado apontava para índice de 6,70%.

TAXA SELIC: mantida a previsão anterior, ou seja, 13,75% ao ano em dezembro.  PIB: crescimento maior em 2,26%, a previsão anterior era de 2,10%.  DÓLAR mantida a previsão de R$ 5,20 na virada do ano.

Para 2023: IPCA de 5,27% (era 5,30%); SELIC de 11,25% ao ano (era 11,0%); PIB crescimento de 0,47% (era 0,37%) e DÓLAR comercial de venda: R$ 5,20 (mantida previsão anterior).

Calendário Econômico:

Segunda-feira (05/09)

Brasil

Índice PMI S&P Global da indústria de transformação (ago)

Alemanha

Índice PMI S&P Global da indústria de transformação (ago)

Área do Euro

Índice PMI S&P Global da indústria de transformação (ago)

Vendas no Varejo (jul)

Reino Unido

Índice PMI S&P Global da indústria de transformação (ago)

 

Terça-feira (06/09)

Brasil

FGV: Indicador Antecedente de Emprego (ago)

EUA

Índice PMI S&P Global composto (ago)

Índice ISM do setor de serviços (ago)

 

Quarta-feira (07/09)

Brasil

Feriado Nacional – Mercados fechados

Alemanha

Produção industrial (jul)

Área do Euro

PIB (2° tri,)

EUA

Balança Comercial (jul)

Divulgação do Livro Bege

 

Quinta-feira (08/09)

Brasil

FGV: IPC-S (semanal)

FGV: IGP-DI (ago)

IBGE: Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (ago)

BCB: Índice Commodities Brasil (IC-Br) (ago) Área do Euro

Banco Central anunciará decisão de política monetária

EUA

Pedidos de auxílio desemprego (semanal)

China

Índice de preços ao consumidor (ago)

Índice de preços ao produtor (ago)

 

Sexta-feira (09/09)

Brasil

IBGE: Pesquisa Industrial Mensal – Regional (jul)

IBGE: IPCA (ago)

Fontes: infomoney, queroinvestir, investing, start, e-investidor