Região:

min

max

Anuncie aqui

Boletim Econômico: 6 de junho de 2022

Confira o resumo do mercado financeiro

Por Reinaldo Cafeo
(Atualizado em 06/06/2022 - 10h00)
Compartilhar

Dados de fechamento em 03/06/2022 (sexta-feira)

 

Ibovespa: queda 1,15% aos 111.102 pontos.

Dólar Comercial de Venda: queda de 0,20% a R$ 4,7787.

 

Mercado Cambial:

Abaixo a cotação de fechamento diário do Dólar comercial de venda:

  • Segunda-feira (30): +0,33%, a R$ 4,7536
  • Terça-feira (31): -0,02%, a R$ 4,7526
  • Quarta-feira (1): +1,08%, a R$ 4,8041
  • Quinta-feira (2): -0,32%, a R$ 4,7885
  • Sexta-feira (3): -0,20%, a R$ 4,7787
  • Semana: +0,87%

 

Segue a cotação diária do Euro (comercial de venda) no fechamento:

  • Segunda-feira (30): +0,96%, a R$ 5,12
  • Terça-feira (31): -0,86%, a R$ 5,07
  • Quarta-feira (1): +0,98%, a R$ 5,12
  • Quinta-feira (2): +0,51%, a R$ 5,15
  • Sexta-feira (3): -0,75%, a R$ 5,11
  • Semana: +0,79%

 

Mercado Acionário:

Confira a evolução do Ibovespa na semana, em cada fechamento de sessão:

  • Segunda-feira (30): -0,81% (111.032 pontos)
  • Terça-feira (31): +0,29% (111.351)
  • Quarta-feira (1): +0,01% (111.360)
  • Quinta-feira (2): +0,93% (112.393)
  • Sexta-feira (3): -1,15% (111.102)
  • Semana: -0,75%

O Banco Central divulgou dados parciais do Boletim Focus. Desde 29 de abril o Bacen não disponibilizava estas informações.

Dados do Boletim Focus: para este ano (2022): IPCA 8,89%; PIB 1,20%; Dólar Comercial de Venda na virada do ano R$ 5,05. Taxa de Juros, a Selic em 13,25% na virada do ano. Em 2023: IPCA 4,39%; PIB 0,76%; Dólar Comercial de Venda na virada do ano R$ 5,05. Taxa Selic 9,75% na virada do ano.

Vale lembrar que os dados acima referem-se a mediana de cerca de 140 instituições financeiras que remetem seus dados ao Banco Central.

 

Cenário:

O Produto Interno Bruto (PIB) do primeiro trimestre, cresceu 1% em comparação com o 4TRI21. A expectativa era por 1,2%. Frente ao 1TRI21, a alta do PIB foi de 1,7%. As projeções do mercado vêm subindo para o PIB de 2022, à medida que indicadores de serviços, especialmente de atividades presenciais, se destacam.

A produção industrial do Brasil teve variação positiva de 0,1% na passagem de março para abril, sendo o terceiro mês seguido de avanço. No ano, o setor acumula queda de 3,4% e, em 12 meses, queda de 0,3%.

A Petrobras foi incluída em estudos de privatização, via Programa de Parcerias de Investimentos (PPI). O Ministério de Minas e Energia entrou, formalmente, na noite de segunda-feira (30), com o pedido junto ao Ministério da Economia.

A inflação do aluguel (IGP-M) desacelerou de 1,41% para 0,52% em maio. O índice acumula alta de 7,54% no ano e de 10,72% em 12 meses.

O payroll (folha de pagamento não agrícola) de maio apontou a criação de 390 mil vagas, bem acima do consenso de mercado que estimava 328 mil vagas. Os números trazem alento à economia norte-americana que se vê pressionada por uma inflação galopante, na casa dos 8,3% registrada em abril, segundo o CPI, principal índice inflacionário do país. Já a taxa de desemprego ficou em 3,6% em maio, contra estimativa de 3,5%.

O  PMI (sondagem dos gerentes de compras) de Serviços dos EUA caiu a 53,4 pontos, de 53,5 previstos. O composto foi de 56 para 53,6. O PMI Industrial dos EUA caiu a 57 em maio, de 59,2, e ante projeção de 57,3.

Na China, o PMI foi de 46 para 48,1 pontos em maio, confirmando uma melhora da atividade, após lockdowns. Ainda assim, o número fica abaixo de 50, que separa crescimento de retração.

Na zona do euro, o PMI industrial foi de 54,6, ante expectativa de 54,4 e leitura prévia de 55,5. O PMI de serviços da zona do euro recuou de 57,7 em abril para 56,1 em maio. O PMI composto caiu de 55,8 para 54,8.

A inflação continua sendo a preocupação principal dos mercados. Para tentar conter o preço do petróleo, que impacta fortemente a inflação no mundo todo, a Opep+ concordou em aumentar sua oferta de petróleo em cerca de 50% em julho e agosto.

 

Principais eventos e indicadores (semana de 06/06 a 10/06):

– Hoje, segunda-feira (06): IBC-Br (BRA)*. Fluxo Cambial (BRA). Balança Comercial (BRA). Índice de Tendência do Emprego (EUA).

– Terça-feira (07): Dados do Balanço de Pagamentos (EUA).

– Quarta-feira (08): IGP-DI (BRA). Dados do CAGED (BRA).

– Quinta-feira (09):  Pedidos de Auxílio Desemprego (EUA). Dados do Comércio Exterior (CHI). IPCA (BRA). IPC (CHI).

– Sexta-feira (10): Vendas Varejo (BRA). IPC (EUA).

* devido à greve do Bacen não deve ser divulgado

 

 

Fontes: infomoney, queroinvestir, investing, start.