Região:

min

max

Anuncie aqui

Marketing de puxão e de empurrão

Nesta semana vamos falar do Inbound Marketing, que ganhou muito espaço na ultima década com a massificação dos smartphones e consumidores cada vez mais on-line

Por Victor Trujillo
(Atualizado em 23/06/2022 - 7h48)
Compartilhar

Nesta semana vamos falar do Inbound Marketing (Marketing de Atração) que ganhou muito espaço na ultima década com a massificação dos smartphones e consumidores cada vez mais on-line.

Para entender o Marketing de Atração precisamos lembrar do conceito de Buyer’s Journey (Jornada de Compra) que é o caminho que o consumidor percorre até a compra:

O consumidor não acorda e decide comprar um produto aleatoriamente. O consumidor passa por um processo (etapas) para tomar conhecimento, considerar, avaliar e decidir comprar um produto ou serviço. Este caminho é a Jornada de Compra. (Leia: Tudo virou TV).

Em cada etapa da Jornada de Compra o consumidor busca informações.. Essa busca também acontece on-line. E é aí que se insere o Marketing de Atração: se você disponibilizar conteúdos relevantes você vai atrair o consumidor no momento em que ele ainda está percorrendo a jornada de compra. Estima-se que 70% da decisão de compra de um consumidor ocorre antes que ele entre em contato com o vendedor (estabelecimento ou e-commerce).

O Inbound Marketing é uma iniciativa que tem um tempo de maturação maior: gera resultados consistentes, porém não imediatos. Eu já vi um especialista em inbound marketing chamando os investimentos publicitários offline de “marketing de empurrão” pois teriam como objetivo “empurrar” produtos e serviços a consumidores que não estão
procurando. Por analogia, então poderíamos chamar o inbound marketing de “marketing de puxão”, afinal pretende-se puxar os consumidores para sites e landing pages para depois convertê-los em leads e finalmente transformar os leads em clientes.

Inbound Marketing é uma iniciativa que tem um tempo de maturação maior: gera resultados consistentes, porém não imediatos
Inbound Marketing é uma iniciativa que tem um tempo de maturação maior (Foto: Freepik)

Content marketing

Outra estratégia de marketing digital que inclusive é confundida com inbound marketing é o content marketing (marketing de conteúdo) que consiste na criação e distribuição de conteúdo valioso, relevante e consistente para atrair, adquirir e engajar um público-alvo claramente definido com o objetivo de gerar ações rentáveis de clientes.

Marketing de empurrão

O outbound marketing é uma estratégia de marketing de divulgar uma marca para o público-alvo com a finalidade de despertar interesse naquele público. Trata-se de uma prospecção ativa. Envolve iniciativas de publicidade na TV, rádio, outdoor, mídia ao ar livre, panfletagem, telemarketing, disparos de SMS e também banners nos sites – mídia programática, rede de display do Google, e-mail marketing etc.

O outbound marketing realmente dá um empurrão nas vendas. E tem resultados imediatos. Como eu disse nesta coluna (Leia: Live Marketing de São João) todas as empresas estão no negócio de chamar a atenção – o recurso mais escasso atualmente. E nisso o outbound marketing pode ajudar.

O planejamento de marketing pode contemplar muitas estratégias e cada uma procura alcançar diferentes objetivos. É possível acomodar estratégias de inbound marketing, content marketing e outbound marketing num mesmo plano.

E para o seu negócio, o que tem funcionado melhor: o marketing de puxão ou de empurrão?
Boa semana 25 pra você !!!