Região:

min

max

Anuncie aqui

Federação Turca sofre ataque a tiros e ídolo Altintop quase é atingido na cabeça

Pessoas que estavam na sede da TFF se jogaram no chão para não serem atingidos

Por Estadão Conteúdo
(Atualizado em 02/09/2022 - 14h27)
Compartilhar

Mais um triste episódio de violência foi registrado no futebol e por pouco não termina em tragédia. Durante uma reunião de seus dirigentes, a sede da Federação Turca de Futebol (TFF) sofreu um atentado a tiros na noite de quinta-feira e o ex-jogador Altintop, vice-presidente da entidade, quase foi atingido na cabeça.

“Assim que ouvimos os tiros, nos jogamos ao chão e pensaram que eu estava ferido”, explicou Altintop, garantindo estar bem. “Espero que os culpados sejam encontrados o mais rápido possível”, exigiu. Câmeras de monitoramento mostraram que os criminosos fugiram em um carro. Dois suspeitos dos disparos foram detidos, embriagados, nesta sexta-feira. Eles moram a 200 metros da sede da Federação Turca.

A TFF lamentou o ocorrido e festejou que ninguém ficou ferido. Inicialmente foram divulgados que sete tiros teriam atingido o prédio. Depois, houve uma atualização e a confirmação de 11 disparos, com uma bala passando a centímetros da cabeça de Altintop, presente no sorteio dos grupos da Liga dos Campeões há alguns dias. Vale lembrar que a final da atual edição será em Istambul.

“Enquanto o Conselho de Administração da Federação Turca de Futebol estava em reunião, um ataque armado foi realizado por uma pessoa ou pessoas não identificadas em nosso prédio administrativo no acampamento e instalações de treinamento das seleções nacionais de Riva. Nosso maior consolo é que não houve perda de vidas ou ferimentos como resultado do ataque. Nossas forças de segurança conseguiram capturar os autores do ataque em muito pouco tempo com a operação que iniciaram”, explicou a TFF

“Não temos dúvidas que a justiça turca dará aos responsáveis pelo incidente a punição que merecem. O futebol turco deve estar em amizade e união com todos”, seguiu. “Gostaríamos de afirmar que este ataque traiçoeiro não nos impedirá de trabalhar para levar o futebol turco adiante de sua linha atual. Agradecemos aos presidentes de clubes e funcionários do estado, aos clubes, jogadores de futebol, dirigentes, todos os fãs de futebol e turcos que desejaram melhoras.”

Em comunicado conjunto, Fifa e UEFA lamentaram o ocorrido. “Na quinta-feira passada, os funcionários e a sede da Federação Turca de Futebol (TFF) em Istambul foram submetidos a um terrível ataque com armas de fogo. Embora estejamos aliviados ao saber que ninguém ficou ferido, lamentamos que ainda existam pessoas capazes de cometer tais atos de violência contra a vida e a segurança de outros seres humanos”, lamentaram. “A Fifa e a Uefa condenam esses eventos violentos e desejam expressar seu total apoio ao TFF e sua equipe neste momento difícil. A violência é um flagelo que não pode ser tolerado em nenhuma circunstância.”