Região:

min

max

Anuncie aqui

São Paulo cede empate ao Avaí em jogo com pênalti desperdiçado por Calleri

Tricolor perde a chance de conquistar a primeira vitória fora de casa e segue fora do G-4

Por Estadão Conteúdo
(Atualizado em 04/06/2022 - 21h46)
Compartilhar

O São Paulo perdeu, na noite deste sábado, uma grande chance de finalmente conquistar a primeira vitória fora de casa no Campeonato Brasileiro. O time do técnico Rogério Ceni até que fez um jogo razoável na primeira etapa, mas caiu de produção no segundo tempo e ficou no empate por 1 a 1 com o Avaí, em Florianópolis – o time paulista perdeu um pênalti quando vencia o jogo, em batida isolada pelo artilheiro argentino Jhonatan Calleri.

O São Paulo jogou com alguns desfalques, entre eles Rafinha e Igor Gomes, suspensos, e Arboleda, que foi convocado para defender a seleção do Equador. Em campo, em uma noite fria no estádio da Ressacada, o time paulista começou o jogo apertando o Avaí e perdeu duas boas chances com Luciano, que completou 100 jogos pelo clube e recebeu uma camisa comemorativa.

Mas pouco depois, o time voltou a apresentar velhos problemas, como erros de passes. Quando o primeiro tempo caminhava para o empate sem gols, Arthur Chaves colocou a mão na bola na área e Anderson Daronco foi alertado pelo VAR (Árbitro de Vídeo). Confirmada a penalidade, Reinaldo bateu forte, no alto, e abriu o placar para o São Paulo.

O segundo tempo começou como terminou o primeiro – com Arthur Chaves cometendo um pênalti. Desta vez, ele segurou Luciano na área e o árbitro marcou a falta. O São Paulo trocou o batedor e o atacante Calleri foi para a cobrança, mas diferente de Reinaldo, o argentino isolou a bola por cima do gol.

Depois disso, o técnico Eduardo Barroca mexeu bem no Avaí e o time melhorou muito. O time perdeu boa chance aos 11, com Eduardo, até que aos 20 do segundo tempo os catarinenses empataram. Eduardo arriscou de longe, Jandrei espalmou para o meio da área e Muriqui, sozinho, só escorou o rebote para deixar tudo igual na Ressacada.

O Avaí, que vinha de três derrotas consecutivas, passou a buscar a vitória. O time quase fez o segundo gol aos 28, com Jean Pyerre, e aos 30, com Jandrei salvando o São Paulo após finalização de Muriqui.

Atrapalhado em campo, Jandrei ainda viu o colombiano Copete perder um gol incrível. Do outro lado, foi Calleri quem desperdiçou outra chance, mas o jogo ficou no empate por 1 a 1. O São Paulo perdeu uma grande oportunidade de vencer o jogo, mas também poderia ter perdido – o empate acabou sendo um bom castigo para os dois.

FICHA TÉCNICA

AVAÍ 1 X 1 SÃO PAULO

AVAÍ: Vladimir; Kevin, Rodrigo Freitas (Jean Pyerre), Arthur Chaves e Bruno Cortez; Raniele, Bruno Silva e Eduardo (Jean Cléber); Morato(William Pottker), Bissoli (Copete) e Muriqui. Técnico: Eduardo Barroca.

SÃO PAULO: Jandrei; Diego Costa, Miranda e Léo; Igor Vinicius (Rigoni), Gabriel (Pablo Maia), Rodrigo Nestor, Alisson e Reinaldo (Welington); Luciano (Eder) e Calleri. Técnico: Rogério Ceni.

GOLS: Reinaldo, aos 48 minutos do primeiro tempo; Muriqui, aos 30 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO: Anderson Daronco (RS).

CARTÕES AMARELOS: Arthur Chavez, Léo e Alisson.

RENDA: R$ 620.748

PÚBLICO: 11.962 torcedores

LOCAL: Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC).