Região:

min

max

Anuncie aqui

Dupla confessa assassinato de Bruno Pereira e Dom Phillips na Amazônia

Jornalista inglês e indigenista estavam desaparecidos na Amazônia desde 5 de junho

Por Redação
(Atualizado em 15/06/2022 - 16h15)
Compartilhar

Os irmãos Oseney da Costa de Oliveira e Amarildo da Costa Oliveira, confessaram nesta quarta-feira (15) o assassinato do indigenista brasileiro Bruno Araújo Pereira e do jornalista inglês Dom Phillips. Eles estavam desaparecidos na Amazônia desde 5 de junho, As informações foram divulgadas pelo g1.

 

Oseney e Amarildo foram levados pela Polícia Federal ao local onde se concentram as buscas, no Vale do Javari. Eles deveriam apontar a localização dos corpos.

 

Oseney da Costa de Oliveira foi preso temporariamente na terça-feira (14). Amarildo da Costa Oliveira está preso no dia 7 de junho.

 

Phillips era colaborador “The Guardian” e estava trabalhando em um livro sobre meio ambiente. Pereira era servidor licenciado da Fundação Nacional do Índio (Funai). Há denúncias de que ele recebia constantes ameaças de madeireiros, garimpeiros e pescadores.