Região:

min

max

Anuncie aqui

Recém-nomeado no Reino Unido, ministro das Finanças Nadhim Zahawi renuncia

Recém-nomeado fez críticas ao primeiro-ministro Boris Johnson, pedindo para que ele deixe o posto

Por Estadão Conteúdo
(Atualizado em 07/07/2022 - 8h21)
Compartilhar

O ministro das Finanças do Reino Unido recém-nomeado Nadhim Zahawi renunciou nesta quinta-feira (7), ao cargo, e fez críticas ao primeiro-ministro Boris Johnson, pedindo para que ele deixe o posto. Em comunicado, o conservador disse que a situação “não é sustentável e só vai piorar”.

Segundo ele, o cenário é negativo para Johnson, o Partido Conservador e o país”. “Você deve fazer a coisa certa e ir agora”, disse ao primeiro-ministro. Segundo Zahawi, quando o cargo lhe foi oferecido, ele aceitou por lealdade à nação, mas agora é necessário um governo não “apenas estável”, mas “íntegro”.

Zahawi afirmou que os desafios que o Reino Unido enfrenta, incluindo inflação e a guerra da Ucrânia, não irão embora, e que é necessário que as principais funções de Estado continuem funcionando durante a crise.

O ministro se soma a uma longa lista com mais de 50 integrantes do gabinete que renunciaram nos últimos dias, incluindo seu antecessor, Rishi Sunak. Nas últimas horas, um dos destaques foi o secretário de Estado para a Irlanda do Norte Brandon Lewis, que escreveu sua carta de demissão dizendo que o governo precisa de “honra e integridade”.

Uma fonte de Downing Street, endereço oficial do governo britânico, afirmou nesta quinta que Johnson aceitou renunciar ao cargo diante da crise política. A fonte falou sob condição de anonimato porque o anúncio oficial ainda não foi feito.